Vida em Vênus

Vênus não deveria ser descartado como um possível lar para a vida.

Claro, a superfície do planeta é notoriamente inóspita hoje - seca e quente o suficiente para derreter chumbo, com uma pressão atmosférica 90 vezes maior que a da Terra ao nível do mar.

Para sentir a mesma quantidade de pressão em nosso planeta, você teria que descer cerca de 900 metros nos oceanos.

Mas Venus era um mundo temperado há muito tempo, com mares que persistiram por eras - talvez 2 bilhões de anos ou mais, de acordo com uma recente pesquisa.

Vênus pode, portanto, ter sido um planeta habitável durante boa parte da história do sistema solar.

E o chamado planeta irmão da Terra poderia potencialmente sustentar a vida até hoje, pelo menos em alguns lugares.

Embora a superfície de Vênus seja infernal, o ambiente a poucos quilômetros de altura nos céus é bastante "ameno".

Condições próximas as da Terra foram encontradas

As temperaturas e pressões lá em cima são próximas às da superfície da Terra, então é possível que a vida venusiana - se alguma vez existiu - não tenha desaparecido com a dramática mudança climática há muito tempo, mas tenha recuado para as nuvens.

Essas nuvens são feitas principalmente de ácido sulfúrico, o que parece argumentar contra a idéia da vida de Vênus.
Mas nas últimas décadas, os biólogos encontraram todos os tipos de micróbios resistentes aqui na Terra capazes de tolerar condições igualmente extremas.

E essas mesmas nuvens de Vênus podem potencialmente fornecer energia química a qualquer micróbio que possa estar flutuando por lá.

Curiosamente, a atmosfera superior de Vênus também é rica em compostos misteriosos que absorvem a radiação ultravioleta (UV), a luz de alta energia que provoca queimaduras solares aqui na Terra.

Ninguém sabe o que é essa coisa ou de onde ela vem, mas alguns cientistas especularam que poderia ser um pigmento biológico - talvez um tipo de protetor solar com base em enxofre.

E a vida não precisava necessariamente surgir em Vênus para prosperar ali.

O planeta engoliu muitas toneladas de rochas da Terra que foram lançadas no espaço por impactos violentos nos últimos 4,5 bilhões de anos. Alguns podem ter abrigado (involuntariamente) micróbios de viagem.

O material de Vênus também foi para a Terra, então também é possível que nosso planeta tenha sido colonizado há muito tempo por venusianos nativos.

Não é possível afirmar que a vida existe em Vênus. Mas é uma possibilidade que os cientistas deveriam considerar.

Meu artigo completo sobre Vênus.

Comentários

Sobre...


Gelson Luz é apaixonado por astronomia. Pesquise por "Gelson Luz" no seu buscador preferido para saber mais.
Nome

Blog,68,Júpiter,11,Marte,14,Mercúrio,9,Netuno,1,Planetas,2,Terminologia,16,Vênus,14,
ltr
item
Astronomia: Vida em Vênus
Vida em Vênus
https://2.bp.blogspot.com/-ly-qyEIPEms/W1-LKvyQj5I/AAAAAAAAFBc/IoTrlP06_9kgNdnwPwEEIlfzpFO4IFugQCPcBGAYYCw/s320/Venus.jpg
https://2.bp.blogspot.com/-ly-qyEIPEms/W1-LKvyQj5I/AAAAAAAAFBc/IoTrlP06_9kgNdnwPwEEIlfzpFO4IFugQCPcBGAYYCw/s72-c/Venus.jpg
Astronomia
https://www.astronomia.gelsonluz.com/2018/08/vida-em-venus.html
https://www.astronomia.gelsonluz.com/
https://www.astronomia.gelsonluz.com/
https://www.astronomia.gelsonluz.com/2018/08/vida-em-venus.html
true
811587097880757219
UTF-8
Todos os artigos já foram carregados Não encontrei nenhum artigo :( Ver todos Leia mais Responder Cancelar resposta Apagar Por Início Páginas Artigos Ver todos Recomendado para você: TAGS Arquivo Procurar Todos os artigos Nenhum artigo corresponde a sua solicitação Back Home Domingo Segunda Terça Quarta Quinta Sexta Sábado Dom Seg Ter Qua Qui Sex Sab Janeiro Fevereiro Março April Maio Junho Julho Agosto Setembro Outubro Novembro Dezembro Jan Fev Mar Abr Maio Jun Jul Ago Set Out Nov Dez Agora mesmo 1 minuto atrás $$1$$ minutes ago 1 hora atrás $$1$$ hours ago Ontem $$1$$ days ago $$1$$ weeks ago mais de 5 semanas atrás Seguidores Seguir Conteúdo exclusivo Por favor compartilhe para acessar Copiar todo código Selecionar todo código Todos os códigos from copiados Can not copy the codes / texts, please press [CTRL]+[C] (or CMD+C with Mac) to copy